Greves – Um país paralisado !

Em alguns posts atrás, citei que os professores deveriam ser a categoria profissional com o maior salário de todos. Afinal, sem eles, não haveriam quaisquer outras categorias salariais.

Até aqui, todos concordam.

Tenho visto essa manobra geral de sindicatos, servidores e afins na tentativa de chantagear o governo federal paralisando as atividades do país para exigir aumento salarial.

Estudei em uma universidade federal e sei como funciona a coisa.

Acho uma vergonha. Primeiro porque prejudica toda a população. Esses dias alguns servidores de Brasília resolveram aderir a greve para “colaborar” com os servidores das universidades. O resultado é que milhares de obras que deveriam ter fiscalização, serão aprovadas sem ao menos serem vistas. Manobra ? Quanto dinheiro a população vai perder ?

Depois vem os professores. Categoria tão importante. Paralisando o ensino e atrasando a revolução tecnológica do país. Será que pararam também seus projetos extras ? Esses continuam, não é ?

Muito interessante a dinâmica do funcionário estatutário. Faz a greve, não quer seus dias descontados e ainda acha que tem razão.

Sabemos que alguns argumentos podem ser discutidos, mas vamos lá. Alguns pontos de vista:

1 – Qual o salário mínimo do país ? Ao invés de lutar pelo próprio umbigo, por que não paralisam tudo assim para melhorar a vida das pessoas carentes ? Para diminuir a reforma tributária ? Pela justiça ? Ah ! O próprio umbigo sempre vale mais.

2 – Quando fizeram o concurso já sabiam o salário que iam receber. Sim. É uma afirmação. E já sabiam que os aumentos não são dados de acordo com o IPC ou o que for.

3 – Quanto ganha um professor ? Quanta ganha um servidor-técnico ? Qual é o salário mínimo ? Quanta ganha a maioria dos brasileiros ? (ponto só para reforçar o foco no próprio umbigo). Reclamam de barriga cheia, isso sim.

4 – Se isso acontecesse na iniciativa privada, quais seriam os resultados ? Já pensaram no que acontece em uma indústria se todos os funcionários param de trabalhar ? E pior: e se os funcionários das fábricas vizinhas para de trabalhar também por “apoio” ? Já viram o contrassenso disso ? Por que estatais devem ser tratados diferentes da iniciativa privada ?

Tudo isso me enoja. Ao invés de lutar por um mundo melhor, estão todos é preocupados com o próprio bolso. Mobilização por dinheiro: sim. Mobilização por qualidade de vida: não.

Esse é o jeitinho brasileiro. Recebo milhares de fotos e mensagens sobre isso no facebook. Afinal, eu já fui militante de esquerda e sei como funciona a coisa. E nem posso querer discutir o assunto pois serei execrado pelos meus antigos companheiros.

Quem paga tudo isso ? Greve, falta de fiscalização, corrupção, aumento de salários ? Sim, os trouxas. A população brasileira que em grande parte não tem nada em relação com isso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s