Da série: Por que sair do Brasil ? [2]

Sério. Seu que é um assunto batido, mas gosto muito de ME dar motivos para continuar no processo, que sabemos não ser fácil e nem barato.

Não sei se todos se recordam que em fevereiro, um grupo de jovens atacava um mendigo e outro jovem intercedeu para proteger. Esse grupo de jovens bateu no defensor do mendigo deixando o rapaz com um implante de 64 pinos no rosto !

Pois é. Eles foram acusado pelo Ministério Público por tentativa de homicídio. Mas é claro, como no Brasil nada funciona como deveria, um juiz espertalhão decidiu não levar o caso a júri popular e converteu a sentença dos tais a uma medida “alternativa” de punição. Ou seja, ficaram livres. Impunidade 100 %.

Coincidentemente, o tal jovem líder dos 4 voltou a ser preso ontem (04-12-2012). Ao ver uma blitz da polícia, ele fugiu de moto atropelando cones, entrando na contramão e outras peripécias. Foi pego com maconha e fez o teste do bafômetro, que não acusou álcool no sangue. Então simplesmente foi liberado (pois tais crimes não fazem com que ele seja preso), pegou sua moto e foi embora.

Sério. Assim. Vamos dar um replay e atentar aos fatos da história:

1) Cara agride gratuitamente um mendigo. Como se já não bastasse ser pobre, ainda ter que apanhar de um bando de moleques mimados.

2) Cara quase mata e desfigura um cidadão que tentou defender os mendigos.

3) Juiz mequetréfe e meia tigela liberta o tal cara e converte a pena de prisão em medidas “alternativas”, ou seja, pagamento de cestas básicas (money wins)

4) O rapaz, usuário de drogas, volta a cometer diversos crimes fugindo da polícia devido a uma blitz.

5) O rapaz volta para casa.

Não sei, mas será que somente eu vejo algo errado aqui ?

Link para a reportagem da Globo Online (ela está meio mal escrita, mas o caso é bem divulgado pela internet caso alguém queira ler mais sobre o assunto).

Será que estão esperando ele matar alguém para prender esse delinquente ?

Tive que editar para adicionar essa informação:

O tal do juiz Murilo Kieling (que libertou o rapaz) foi acusado pela esposa de violência doméstica. WTF !!! Como é ? Sim, o juiz é réu em um processo de violência doméstica.

Reportagens sobre o caso:

Link 1

Link 2

Só nesse país mesmo ….

Anúncios

4 respostas em “Da série: Por que sair do Brasil ? [2]

  1. Na boa? Eu sempre penso o seguinte: não pertenço e não quero pertencer a isso. Vc acha q podemos de alguma forma resolver isso? Está no DNA desse povo. É triste mas o melhor é zarparmos e rezar para q essas desgraças não atinjam nossos familiares e amigos! Abraço

    • Existe uma inversão de valores sociais e culturais muito grande e que vai demorar muitos e muitos anos para se chegar ao nível aceitável.
      Eu não nasci pra ouvir alguém me dizendo que eu estou errado em usar uma mochila nas costas e que eu tenho que usá-la na frente para não ser assaltado.
      Não gosto de ver que morreram 20 pessoas em um final de semana e não vou achar isso normal nunca.

  2. Gente, que história bizonha!! Eu não consigo entender, acho que o que o Thiago escreveu aí tá certo: tá no DNA desse povo! Se o juiz bate na mulher em casa, para ele bater num “reles” mendigo na rua não deve significar nada, né? 😦

    É muita coisa errada junto! 😦

  3. Somos, enquanto nação, um país muito jovem. E idade não é garantia nenhuma de “bons modos” para uma civilização, mas a falta dela garante que muitas coisas não estarão resolvidas. O processo é simples: quanto mais pessoas assumirem que não tem jeito mesmo, e largarem tudo como está, pensar em fugir daqui, pior vai ficar. Quanto mais nos dispormos a discutir os problemas, reclamarmos, nos indignarmos a cada história com um desfecho bizarro seja de impunidade, seja de maus princípios, péssimas escolhas de prioridades, etc., pouco a pouco melhorias irão se somando. Talvez não na nossa geração. Talvez não na próxima. Mas para que no futuro a nação esteja sensivelmente melhor, a ÚNICA maneira é através da indignação ativa daqueles que têm discernimento suficiente para identificar os problemas!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s