Greves – Um país paralisado !

Em alguns posts atrás, citei que os professores deveriam ser a categoria profissional com o maior salário de todos. Afinal, sem eles, não haveriam quaisquer outras categorias salariais.

Até aqui, todos concordam.

Tenho visto essa manobra geral de sindicatos, servidores e afins na tentativa de chantagear o governo federal paralisando as atividades do país para exigir aumento salarial.

Estudei em uma universidade federal e sei como funciona a coisa.

Acho uma vergonha. Primeiro porque prejudica toda a população. Esses dias alguns servidores de Brasília resolveram aderir a greve para “colaborar” com os servidores das universidades. O resultado é que milhares de obras que deveriam ter fiscalização, serão aprovadas sem ao menos serem vistas. Manobra ? Quanto dinheiro a população vai perder ?

Depois vem os professores. Categoria tão importante. Paralisando o ensino e atrasando a revolução tecnológica do país. Será que pararam também seus projetos extras ? Esses continuam, não é ?

Muito interessante a dinâmica do funcionário estatutário. Faz a greve, não quer seus dias descontados e ainda acha que tem razão.

Sabemos que alguns argumentos podem ser discutidos, mas vamos lá. Alguns pontos de vista:

1 – Qual o salário mínimo do país ? Ao invés de lutar pelo próprio umbigo, por que não paralisam tudo assim para melhorar a vida das pessoas carentes ? Para diminuir a reforma tributária ? Pela justiça ? Ah ! O próprio umbigo sempre vale mais.

2 – Quando fizeram o concurso já sabiam o salário que iam receber. Sim. É uma afirmação. E já sabiam que os aumentos não são dados de acordo com o IPC ou o que for.

3 – Quanto ganha um professor ? Quanta ganha um servidor-técnico ? Qual é o salário mínimo ? Quanta ganha a maioria dos brasileiros ? (ponto só para reforçar o foco no próprio umbigo). Reclamam de barriga cheia, isso sim.

4 – Se isso acontecesse na iniciativa privada, quais seriam os resultados ? Já pensaram no que acontece em uma indústria se todos os funcionários param de trabalhar ? E pior: e se os funcionários das fábricas vizinhas para de trabalhar também por “apoio” ? Já viram o contrassenso disso ? Por que estatais devem ser tratados diferentes da iniciativa privada ?

Tudo isso me enoja. Ao invés de lutar por um mundo melhor, estão todos é preocupados com o próprio bolso. Mobilização por dinheiro: sim. Mobilização por qualidade de vida: não.

Esse é o jeitinho brasileiro. Recebo milhares de fotos e mensagens sobre isso no facebook. Afinal, eu já fui militante de esquerda e sei como funciona a coisa. E nem posso querer discutir o assunto pois serei execrado pelos meus antigos companheiros.

Quem paga tudo isso ? Greve, falta de fiscalização, corrupção, aumento de salários ? Sim, os trouxas. A população brasileira que em grande parte não tem nada em relação com isso.

Anúncios

Educação no Brasil

Eu estava escutando hoje a rádio CBN no carro enquanto dirigia para o trabalho.

Quando liguei, estava passando uma entrevista com a coordenadora do curso de Pedagogia da UNICAMP. Em um certo momento, a entrevistadora perguntou o motivo da escola pública brasileira ter uma qualidade tão inferior quanto as escolas privadas.

Como era de se esperar, a convidada sem saber o que explicar, deu uma resposta curiosa:

As escolas públicas tem menor qualidade devido a iniciativa privada, a classe alta e média que transfere seus filhos para as escolas privadas e assim diminui a qualidade da escola pública. Assim, aumentam a quantidade de alunos das escolas privadas e então a qualidade da escola pública diminui mais ainda.

Na hora eu pensei: Que enrolation ! Ela nem sabe do que está falando. Além das gaguejadas básicas, ela deu uma enrolada bruta.

Na mesma hora comecei a refletir sobre o significado da resposta dela. Dá para tirar algumas idéias absurdas do que ela quis dizer.

  1. Ela disse que o motivo das escolas públicas terem qualidade pior é porque os filhos da classe alta e média estão nas escolas privadas. Isso faz sentido ? Será que os filhos de pessoas mais abastadas são mais inteligentes e então a qualidade da escola pública diminui ?
  2. Ela culpou a elite brasileira de tirar seus filhos da escola pública e por isso a qualidade caiu ? Maldita elite brasileira.

Achei interessante o fato dela não ter respondido por que a qualidaed da escola pública é ruim. Ela somente culpou a classe alta e média brasileira.

Posso até forçar o entendimento dela querendo dizer que as pessoas ricas colocam seus filhos na escola privada e então os investimentos em escolas públicas diminui.  Até faria sentido. Mas no final, me pareceu papo de militante de partido de esquerda culpando a burguesia.

Eu tenho opiniões diferentes. Acredito que a qualidade da escola pública é ruim devido a alguns fatores, dentre eles podemos dizer:

  1. Baixo salário dos professores. O bom profissional, por mais que goste de dar aulas, vai procurar um trabalho que seja suficiente para sustentar sua família.
  2. Falta de investimento do poder público. Isso reflete salários baixos, escolas caquéticas e caindo aos pedaços.
  3. Teorias de educação precárias. Hoje a culpa nunca é do aluno. Nossos teóricos de educação super ultra mega espertos (…) inventam teoremas de como dar aulas, meios esquemas educacionais que não são aplicáveis e que tiram a responsabilidade de quem deve ter: os pais educam (não a escola) e os filhos estudam.
  4. A corrupção e o estilo de vida brasileiro. Livros didáticos governamentais ultrapassados e a falta de distribuição de renda.

Esses são alguns motivos que posso pensar agora. Mas tenho certeza que outros dois motivos são realmente importantes:

A falta de educação do povo faz com que ele eleja novamente os mesmos políticos corruptos que não investem em educação. E a falta de educação faz com que eles elejam os mesmos políticos corruptos. É um ciclo vicioso.

E por fim, tenho certeza que coordenadores alienados militantes que não são objetivos o suficiente para responder uma pergunta diretamente afetam diretamente a formação dos professores, que sem dinheiro não conseguem ter formação complementar e ajudar na melhoria do próprio sistema.

Na minha opinião, em um país, o profissional que deveria ter o maior salário de todos é o professor. Pois sem ele, nenhuma outra profissão (técnica, diga-se de passagem) sequer existiria. Mas essa é só uma simples opinião de alguém que tem filho na escola privada porque a qualidade da escola pública é realmente muito ruim.