Da série: Por que sair do Brasil ?

Não contamos para quase ninguém que estamos nos “metendo” nesse processo de imigração. Até por que não sabemos do resultado e não queremos ninguém fazendo aquelas perguntas já conhecidas nos blogs:

“Ué, você não ia para o Canadá ?”

Mesmo assim, poucos (bem poucos) que sabem as vezes nos questionam quais seriam nossas motivações de ir.

Bem, essa reportagem é um símbolo do motivo. Acompanhem o raciocínio:

a) O time de futebol do cara foi rebaixado (ele torce para o Palmeiras, apesar de morar no Paraná e ter nascido sabe-se lá onde).

b) O cara se sente profundamente ofendido com o amigo que tirou sarro do time dele ser rebaixado.

c) O cara se sente no direito de pegar uma maquita (uma espécie de serra elétrica para pisos e madeira) e agredir o agora, ex-amigo.

d) O amigo sobrevive, internado no hospital e ele vai para a delegacia.

e) Na delegacia ele afirma que não está arrependido e que o ex-amigo mereceu porque ele estava triste com queda do Palmeiras.

f) Ele assina um TOC (Termo de Ocorrência Circunstanciado) e sai livre, para responder o processo em liberdade. WTF !!!!

“Seu moço, pera aí. O cara agrediu o outro com uma serra elétrica, quase o matou, disse que não se arrepende e não vai preso ?”

É exatamente isso. E preciso de mais alguma justificativa para ir embora ? Para criar os meus filhos em outro lugar ?

Quem custar a acreditar, pode ver  a gravação do jornal postada no Youtube:

Não que o Canadá seja o paraíso, nos sabemos. Existem lá diversos problemas. Mas ao menos vemos que a impunidade não é um deles.

 

Anúncios